Detonação de pedreiras agilizam os trabalhos de recuperação de estradas.

Método utilizado oferece rapidez e qualidade na extração de saibros que serão utilizados na readequação de estradas rurais.

Desenvolvimento Rural 02/03/2017 às 11h43min

Após a detonação material passará pelo processo de britagem.

A Prefeitura Municipal da Lapa através da Secretaria Municipal de Obras realizou esta semana a detonação de duas pedreiras com o objetivo de extrair saibro a serem utilizados na readequação de estradas rurais.

Na pedreira do IAPAR, localizada na Granja Velha foram extraídos 7 mil metros cúbicos de saibro e na pedreira da BERNECK, na localidade do São Bento foram 3 mil metros cúbicos, ao custo total de R$ 137.000,00.

Para a execução da detonação foi contratada por meio de processo licitatório uma empresa especializada que atendeu aos mais rigorosos critérios e normas técnicas atendendo aos devidos órgãos competentes fiscalizadores.

A detonação teve o acompanhamento do Exército Brasileiro na conferencia do lote de explosivos, do Departamento de Ação Social na orientação das famílias que residem nas proximidades e das Coordenadorias de Comunicação e Produção na divulgação e informes.

Segundo Osvaldo Camargo, diretor de estradas rurais, “a escolha pela utilização de explosivos é estratégica do ponto de vista da relação custo beneficio, tendo em vista que melhores pedras extraídas darão maior rentabilidade e durabilidade quando aplicadas na superfície das vias. Em ambas as pedreiras foram escolhidas para detonação lajes de pedra impossíveis de extrair com escavadeira nem mesmo acoplada com o rompedor hidráulico. Após este processo as pedras serão britadas o que dará aproveitamento de 100% na sua utilização”. 

Quais os símbolos mais significativos do município da Lapa?


monumentos históricos (36.7%)
elementos da gastronomia (3.7%)
belezas naturais (57.9%)
aspectos econômicos (1.7%)